Tecendo Leituras: Clube de Leitura discute "O Homem de Giz" neste final de semana - Celeiro Cultural

Breaking

terça-feira, 27 de abril de 2021

Tecendo Leituras: Clube de Leitura discute "O Homem de Giz" neste final de semana


Neste sábado, 1º, a partir das 17 horas, o projeto Tecendo Leituras promove um novo encontro do Clube de Leitura “Ler É Viver”. A reunião, que acontecerá remotamente, via Google Meet, tratará do livro “O Homem de Giz”, de C. J. Tudor. O Tecendo Leituras é realizado pelo Governo do Estado de São Paulo, por meio do ProAc (Programa de Ação Cultural do Estado de SP), executado pelos coletivos Sarau dos Amigos e Associação Celeiro Cultural, e apoio da Prefeitura Municipal de Ilha Solteira, através da Biblioteca Municipal Assis Chateaubriand.


“O Homem de Giz” se passa em dois tempos, 1986 e 2016. Em 1986, Eddie e os amigos passam a maior parte dos dias andando de bicicleta pela pacata vizinhança em busca de aventuras. Os desenhos a giz são seu código secreto: homenzinhos rabiscados no asfalto; mensagens que só eles entendem. Mas um desenho misterioso leva o grupo de crianças até um corpo desmembrado e espalhado em um bosque. Depois disso, nada mais é como antes.


Em 2016, Eddie se esforça para superar o passado, até que um dia ele e os amigos de infância recebem um mesmo aviso: o desenho de um homem de giz enforcado. Quando um dos amigos aparece morto, Eddie tem certeza de que precisa descobrir o que de fato aconteceu trinta anos atrás.


Edilva Bandeira, Mestra em Estudos Literários, será a mediadora desta reunião. Para participar do Clube de Leitura, basta acessar o link da reunião, que será disponibilizado na sexta-feira, 30, no site Celeiro Cultural (celeirocultural.com.br) e na página do Celeiro Cultural no Facebook (facebook.com/celeiroculturalisa).



Tecendo Leituras – Em parceria com a Biblioteca Municipal Assis Chateaubriand, o projeto Tecendo Leituras visa realizar uma grande programação cultural e artística que tem como objetivo promover o incentivo à leitura. A programação inclui saraus, bate-papos, oficinas e contações de histórias, além das reuniões mensais do Clube de Leitura Ler É Viver. A Biblioteca entra como espaço de referência das ações, mas, por conta da pandemia, a programação acontece de maneira remota.


Nenhum comentário:

Postar um comentário